Caso Casa Pia regressou hoje a tribunal

O julgamento dos crimes de Elvas do processo Casa Pia regressou hoje ao Campus de Justiça de Lisboa.

«Uma das vítimas confessas de pedofilia no processo Casa Pia disse hoje em tribunal que as denúncias que ele e outros casapianos fizeram em tribunal, levando à condenação de Carlos Cruz e de outros suspeitos de abuso de menores, não passaram, afinal, de uma brincadeira.

Eles ficavam contentes e nós continuávamos com esta brincadeira pra a frente”, declarou Ilídio Marques, referindo-se aos inspectores da Judiciária encarregues do caso mas igualmente aos jornalistas que o cobriam. “A comunicação social também nos ajudou muito”, acrescentou.

Actualmente a morar na rua, o ex-casapiano repetiu uma vez mais que nunca foi vítima de abuso sexual “nem na casa de Elvas nem nenhum outro sítio”. No seu depoimento desta sexta-feira, feito no âmbito da repetição de parte do julgamento da Casa Pia que está a decorrer no Campus da Justiça, em Lisboa, Ilídio Marques referiu ainda que dois antigos colegas seus lhe contaram que “receberam dinheiro de Catalina Pestana”, responsável pela instituição, para dizerem às autoridades que os políticos socialistas Jaime Gama e Ferro Rodrigues estavam implicados nos abusos.» in Público (www.publico.pt/Sociedade/vitima-confessa-de-pedofilia-diz-que-tudo-nao-passou-de-uma-brincadeira–1572770)

As alegações finais deste processo estão marcadas para 7 de dezembro.

Capa Inocente para além de qualquer dúvida

Recorde-se que Carlos Cruz revela no livro Inocente Para Além de Qualquer Dúvida, através de uma recolha dos argumentos e provas utilizados pela sua defesa, mas que ignorados pelos tribunais, entende o autor, dados que demonstram o grave erro cometido pela Justiça portuguesa.

As contradições das alegadas vítimas e dos investigadores da Polícia Judiciária; os desmentidos posteriores de algumas delas; a pressão dos media e dos investigadores sobre as testemunhas; as provas factuais, ignoradas pelo tribunal, dos locais onde decorreram os alegados crimes nas datas indicadas – estas são apenas algumas revelações que podem ser lidos e consultados no livro.

«Neste livro, o leitor encontra a prova irrefutável do que sempre afirmei: estive, estou e estarei sempre inocente! De forma documentada e sustentada. Com dados a que nunca teve acesso ou que lhe foram dados a conhecer quase sempre de forma deturpada ou manipulada. Confirme o que dizem testemunhas, juízes, procuradores, investigadores, assistentes e jornalistas. Conheça a investigação e os seus procedimentos.» Carlos Cruz

Inocente Para Além de Qualquer Dúvida, também disponível em e-book, está à venda em todo o país.

CC

11

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>